Guia para iniciantes em NFT: o que você precisa saber
Criptomoeda

Guia para iniciantes em NFT: o que você precisa saber

Antes de mais nada, você precisa saber o que são as NFT, e a partir disso, entender como funcionam e para que pode ser usado.

Talvez você já tenha ouvido falar em cripto-art, sendo a ultima tendência do mundo das criptomoedas, que pretende revolucionar o mercado da arte e criações digitais.

O que são NFT?

A sigla NFT, significa Non-Fungible Token, no português, Tokens Não Fungíveis, eles foram criados para atesta a autenticidade de uma obra ou item.

É uma espécie de certificado digital, via blockchain, que tem como objetivo definir a originalidade e exclusividade de bens digitais.

Por exemplo, se houver um NFT ligado a uma imagem, vídeo ou música, faz com que esse item seja único, o que gera escassez e consequentemente uma alta valorização.

A maioria dos NFTs, são emitidas através da rede Etherium, embora outros possam emiti-las. Ao contrário das criptomoedas que são fungíveis, as NFTs não são. Eles são um tipo de investimento alternativo

O que é blockchain?

Ele é uma espécie de livro que regista vários tipos de transações digitais, possuindo seus registros é muitos computadores. Ele registra o envio e recebimento de valores, como por exemplos das bitcoins, e agora também das NFTs.

Essas trasções são reunidas em blocos, e cada bloco é ligado por um elo ao anterior, formando assim uma corrente de blocos, ou blockchain.

Bens não fungíveis

Os bens não fungíveis são aqueles que, por serem valiosos, ao fazerem uma operação de troca por outro item também valioso, sua posição de saída será diferente.

Por exemplo, ao trocar uma gravura ou imagem valiosa, por outra, essa de saída será diferente da que você possuía antes, pois uma imagem rara nunca será igual a outra.

Esse é o objetivo das NFTs, elas fazem com que qualquer produção digital se torne um bem não fungível, com um certificado digital de originalidade, fazendo com que aquela produção se torne valiosa.

Como funciona as NTFs?

Eles funcionam como se fossem uma escritura de um item. Com a posse de uma NTF, de um determinado item, ninguém mais pode reivindica-lo.

Bem parecidas com obras de arte físicas, que ao irem a leilão, recebem um certificado que comprovam que as mesmas são autênticas.

O NTFs, ao contrário de escrituras, pode representar qualquer coisa, desde que seja um item exclusivo e original.

Você pode tanto criar uma NTF, para determinado item e vender depois, ou comprar alguma NTF com o objetivo de apostar na sua valorização com o passar dos tempos.

Elas têm uma infraestrutura parecida com as criptomoedas, assim, é quase impossível, ou muito difícil sua falsificação.

Além disso suas transações acontecem por meio da blockchain, o que permite um maior controle e rastreamento do envio e recebimento desses códigos.

Com que finalidade elas podem ser usadas?

Elas têm como principal finalidade o registro e identificação, tanto de itens físicos, e principalmente de itens digitais, como por exemplo:

Obra de arte; Memes; Itens virtuais em videogames, como skins, moedas virtuais e avatares; Música; Colecionáveis ​​(por exemplo, cartões comerciais digitais); Imagens de vídeo, entre outros variados itens.

Com o NTF, um meme pode valer milhões de dólares, isso porque esse tipo de certificado torna o arquivo do meme em um original, que dependendo da repercussão, pode ser bastante valorizado.

Por mais que exista inúmeras réplicas da imagem pela internet, o dono do código NTF da imagem sabe que a original é dele. Isso faz com essa tenha valor atribuído, e numa possível venda, seu preço seja bastante alto.

Criando um NTF

Você não precisa de muito conhecimento de criptografia para criar uma NTF, porém são necessárias algumas ferramentas para começar.

É importante também se conectar a uma carteira de criptos. Mas não é nada tão difícil assim, que você não possa conseguir fazer.

O NTF é uma modalidade nova de investimento, e já tem grandes entusiastas e críticos. Segundo alguns investidores, ela tende a se valorizar, já outros apostam que essa modalidade vai ter uma fama passageira.

Esse fenômeno era de ser esperado, pois o dinheiro está tomando formas cada vez mais únicas e dinâmicas no mercado, e o valor de um item é algo relativo. O que hoje pode não valer nada, amanhã poderá ser valorizado em milhões.

Você também pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *